Portal do Governo Brasileiro

Notícias do PAC

Assinar RSS O que é RSS?

Investimentos do PAC 2 em energia ultrapassam R$ 55 Bi

27 de Julho de 2012

A segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) já aplicou R$ 55,1 bilhões no Eixo Energia. Esse montante possibilitou investimentos nas áreas de geração e transmissão de energia elétrica, exploração de petróleo e gás natural, refino e petroquímica, além da revitalização da indústria naval e obras de coleta, armazenamento e transporte de combustíveis renováveis.

O valor foi apresentado na cerimônia de divulgação do quarto balanço do PAC 2, que ocorreu nesta quinta-feira, 26 de julho, e contou com a presença do Ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, do Secretário-Executivo do MME, Márcio Zimmermann, e de todos os Secretários da Pasta.

Entre os destaques em energia elétrica está a ampliação em 3.886 MW do parque gerador; a conclusão da linha de transmissão de 600 km que vai de Cuiabá (MT) a Rio Verde (GO); e a entrada em operação de quatro turbinas, que somam 265 MW, da Usina Hidrelétrica de Santo Antônio, em Rondônia, no Rio Madeira.

Na área de petróleo e gás, destaca-se a inauguração da plataforma P-59 da Petrobras, que irá perfurar poços em toda a costa brasileira. Também foi divulgado que até abril deste ano foram iniciados 321 poços exploratórios, sendo 161 em mar e 160 em terra, dos quais 203 já foram concluídos.

Em um ano e meio, o volume total de execuções e de obras concluídas no PAC 2 foi de R$ 324,3 bilhões - o que representa 34% do previsto até 2014, que é de R$ 955 bilhões.  Entre 2011 e 2014, a previsão de obras concluídas remete ao valor de R$ 708 bilhões, ou 74% do total do Programa. As demais obras, entre elas grandes investimentos em infraestrutura como a Usina Hidrelétrica de Belo Monte (PA) e o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), serão concluídas após 2014.

(Fonte: Ministério de Minas e Energia)

Saiba mais sobre este empreendimento