Portal do Governo Brasileiro

Notícias do PAC

Assinar RSS O que é RSS?

Canais do rio São Francisco levam água, desenvolvimento e muita informação ao sertão

17 de Fevereiro de 2014

Os canais do Projeto de Integração do Rio São Francisco (PISF), maior obra hídrica em execução no Brasil, não vão levar apenas água de qualidade para mais de 390 municípios que sofrem com a seca em quatro estados do Nordeste. Eles também levarão muita informação, por meio do programa Comunicação Itinerante, que divulga ações ambientais, atividades sociais e de capacitação para moradores da área de influência do projeto.
 
As atividades vem sendo realizadas desde janeiro de 2014 nos centros de cidades cearenses, paraibanas e pernambucanas por onde a obra passa. Na sexta-feira (14/2), o programa visitou os municípios de Verdejante (PE), Barro (CE) e Monteiro (PB). Os encontros ocorrem em escolas publicas e também são realizados em praças públicas.
 
Ao todo, cerca de mil pessoas participaram das seis ações realizadas nos municípios de Sertânia, Cabrobó, Betânia, localizados em Pernambuco, e nas cidades de Penaforte, Jati e Mauriti, que ficam no Estado do Ceará. 
 
Saiba mais no site do Ministério da Integração Nacional.
 
Obra em pleno vapor
 
O Projeto de Integração de São Francisco é uma obra complexa e a previsão é que ela seja entregue no segundo semestre de 2015. Cerca de 8,7 mil profissionais atuam ao longo dos 477 km de extensão dos Eixos Norte e Leste, 24 horas por dia, e 54% do empreendimento foi executado.
 
Veja fotos do projeto em nossa página no Flickr.
 
O que é exatamente o Projeto de Integração do rio São Francisco? Saiba aqui.
 
Uma construção desse porte se depara com desafios imprevisíveis, o que pode gerar ajustes no projeto e no cronograma. “A obra é complexa na medida em que ela desce de nível na direção em que o terreno sobe”, explicou o engenheiro Jair Garcia, que trabalha que trabalha no Eixo Norte do PISF. Assista à reportagem da TV PAC: